O minimalismo em 10 passos


Depois de ler muito sobre o assunto minimalismo, posso dizer que tenho encontrado a minha forma de me tornar minimalista. Ser minimalista não quer dizer que você precisa dormir numa rede e só ter uma camiseta, também não quer dizer que isso esteja errado. O minimalismo tem tudo haver com encontrar equilíbrio e esse equilíbrio só você pode saber qual é.  Tenho vivido assim por vários meses, tentando descobrir qual era a minha forma de ser minimalista, nesse tempo cheguei a 10 passos que tem me feito muito bem e me mantido no meu propósito, são eles:

1. Conhecer minhas prioridades
Viver a vida com propósito te dá muito mais motivação. 

2. Reconhecer o que me faz feliz
Eu amo planners e papelaria, se eu me livrar de todos os meus itens eu seria muito infeliz.

3. Comprar menos
E não comprar por impulso ou porque está barato.

4. Desinscrever de newsletter e redes sociais não utilizadas
Quanta informação que eu não preciso e só serve para me sentir sufocada.

5. Realizar uma tarefa de cada vez
Alivia a pressão e o resultado é sempre melhor.

6. Esvaziar minha mente
Meditar, relaxar, ouvir um mantra para dormir.

7. Criar um armário coeso 
Não adianta guardar a roupa linda de balada se você não gosta de balada, muito menos o terninho maravilhoso se você trabalha de calça jeans.

8. Descartar itens duplicados 
Se custar menos de R$20 você pode sair e comprar quando precisar (o que normalmente nunca acontece).

9. Viajar com bagagens pequenas 
Uma mala de bordo bem feita pode carregar seus pertences para um mês fora de casa.

10. Não sobrecarregar meu dia com tarefas
Para não acabar o dia com a sensação de fracasso por não concluir toda a lista.

Como disse, cada um precisa encontrar o seu equilíbrio, mas assim como eu me inspirei em tantas listas e videos por ai, espero que meus passos tenham algum impacto em vocês.



10 Hábitos Para Se Tornar Mais Produtivo



Você se sente sobrecarregado e desejando que o dia tivesse mais de 24 horas? Que tal mudar alguns hábitos e se tornar mais produtivo com o tempo que já tem?
Listei alguns dos hábitos que procuro seguir no meu dia a dia para ajudar a inspirar vocês.

1. Durma o suficiente.
Não ter horas suficiente de sono atrapalha a produtividade e a sua saúde.

2. Crie rotinas.
Crie o hábito de ter hábitos. Agende ações como escrever e-mails em um determinado momento ou um horário da faxina diária da casa, e tente fazê-las diariamente. Reza a lenda que após 21 dias repetindo uma ação ela se torna um hábito.

3. Passe longe da caixa de entrada.
E-mails recebidos pode ser um incômodo. Crie o hábito de verificar apenas a caixa de entrada em determinados momentos do dia para evitar ser desviado com solicitações e respostas.

4. Faça uma lista diária de afazeres.
Fique longe de enormes listas de afazeres. Em vez disso, crie uma lista diária de tarefas realistas para enfrentar, como dobrar roupa, agendamento de uma consulta médica ou pagar uma conta. Divida grandes metas em micro-tarefas. Eu utilizo o bullet journal.

5. Deixe o celular no modo não perturbe.
Evite distrações que iram atrapalhar seu raciocínio e seu fluxo de trabalho.

6. Braindump.
Tire algum tempo para sentar-se e esvaziar seu cérebro. Anote qualquer coisa que passar pela sua cabeça, por exemplo: tarefas, compromissos, comprar açucar, lavar a louça, planejar uma viagem. Depois processe essas informações e separe as ações no seu bullet journal ou agenda.

7. Priorize.
Priorize suas atividades diárias, um top 3 é importantíssimo para reduzir a ansiedade do seu dia.

8. Mantenha-se saudável.
Pode ser mais fácil falar do que fazer. Mas a saúde e produtividade andam de mãos dada. Comer de forma saudável, exercitar-se, encontre algo que não seja um sacrifício e viva mais saudável.

9. Mantenha uma caneta e bloco a mão.
Anote qualquer pensamento útil que pode vir à mente. Não confie apenas no seu smartphone, a bateria pode acabar.

10. Controle o tempo.
Tire um dia para anotar quanto tempo você gasta para ler e-mails, ler blogs, mensagens de texto, etc. Você pode se surpreender com a quantidade de tempo de determinadas atividades ocupam todos os dias. Uma vez que você descobriu como o seu tempo está sendo usado, assim fica mais fácil priorizar as suas atividades.

Vocês já utilizam essas dicas? Comentem aqui como faz e qual o impacto que elas tem na rotina e na efetividade de vocês.

50 fatos sobre mim

TAG

A gente cresce, evolui e chega hora de deixar para lá coisas que não fazem mais parte de nós. Passei um ano tentando voltar a blogar, mas não conseguia mais me conectar com os milhões de blogs que já tive. Resolvi então que a solução era mudar tudo e começar do zero. Já se foi o tempo em que tinha "dó" de desapegar de alguma coisa.

Planejo escrever aqui sobre meu dia a dia e assuntos que eu gosto e sempre estou pesquisando, sendo assim para inaugurar o novo blog pensei em responder a TAG "50 Fatos Sobre Mim".


1. As coisas SEMPRE são guardadas no mesmo lugar, as canetas na mesma ordem, as coisas tendem a ser organizadas de forma simétrica. Não é TOC já conferi.

2. Eu canto minhas músicas preferidas, mas não sei cantar. Tenho dó dos vizinhos que precisam ouvir meus shows durante o banho.

3. Sempre que estou triste assisto um filme romântico ou de drama para poder chorar.

4. Eu choro fácil, mas normalmente só choro escondido. Ou perto de pessoas que confio.

5. Faço terapia a dois anos e foi uma das melhores decisões da minha vida.

6. Sempre fugi de esportes coletivos mas acabei me forçando a entrar na equipe de Cheerleading da minha Universidade e amei.

7. Só chamo minha irmã de maná. Sim com ênfase no ááá.

8. Meu nome é curto e não tive apelidos até os 8 anos mais ou menos, que foi quando minha irmã começou a falar, como ela não sabia dizer Dafni acabava me chamando de DADA, desde então todos da família (tirando minha Mãe) me chamam assim.

9. Eu já cai de costas no chão numa praia lotada.

10. Meus aplicativos da página inicial do celular são organizados por tema e por ordem de uso, enquanto os demais são organizados em pastas e em ordem alfabética.

11. O único ícone na área de trabalho do meu laptop sempre é a lixeira (de preferência vazia).

12. Tenho mania de criar minhas próprias agendas a anos.

13. Sempre tenho pelo menos três agendas ao mesmo tempo (um planner, um bullet journal e uma versão digital, como o Sunrise)

14. Eu falo alto, tipo alto mesmo.

15. Nem sempre eu fui organizada, quando pequena minha Mãe jogava todas as minhas roupas para fora do armário e me fazia arrumar.

16. Eu tinha o cabelo armado e enrolado até os 10 anos quando resolvi cortar igual ao da XUXA.

17. Minha vó materna era minha babá.

18. Eu dividi o quarto com a minha irmã dos 8 aos 16. 19. Minha melhor amiga de infância sempre foi minha prima que é um mês mais velha que eu. Nós tínhamos vestidos iguais, tipo gêmeas.

20. Dormi mais finais de semana da minha infância na casa dessa prima do que na minha.

21. Quero ser Engenheira Mecânica desde os 6 anos de idade.

22. No colégio sempre era descrita como "A aluna que fala demais mas tem nota boa".

23. Nunca reprovei nenhuma série do colégio, já na Universidade hahahaha

24. No meu primeiro zero em uma prova da universidade eu chorei.

25. Já fui a única guria da turma de Tecnologia e a única mulher da empresa que trabalhava.

26. Tive uma infância pobre e uma das coisas que mais amava era ganhar roupas (novas, velhas, do meu tamanho, de qualquer tamanho).

27. Ganhei meu primeiro computador com 12 anos (mas tive que vender meu vídeo game para isso).

28. Meu pai comprou uma empresa quando eu tinha 12/13 anos, trabalhei para ele um ano inteiro para ganhar minha primeira câmera digital.

29. Praticamente toda a minha família (tanto de parte de pai como de mãe) mora no mesmo bairro.

30. Entrei na escola com 6 anos na primeira série, não fiz pré e meu primeiro dia foi um dos mais alegres da minha vida (minha mãe diz que para ela foi horrível e que ela chorou escondido quando me deixou lá).

31. Meus dentes sempre foram fracos e amarelados, mas retos, porém meu canino aos 20 anos ainda era o de leite, sendo assim tive que usar aparelho por 1 ano e 6 meses para trazer o dente definitivo para o lugar.

32. Me mudei quando tinha 19 anos para fazer minha graduação em outra cidade.

33. Ligo no mínimo uma vez por dia para os meus pais, a não ser que eu esteja com eles.

34. Nunca tive muitos sapatos nem muita roupa, sempre levei a sério o mantra de "entra uma sai uma". 35. A dois anos li o livro da Marie Kondo e comecei a destralhar ainda mais meus pertences. 36. Mês passado voltei para minha cidade natal e a morar com os meus pais, a minha coisa (tirando os móveis) couberam dentro do meu carro (que é bem pequeno).

37. Eu adoro carros, quanto mais tecnológico melhor. Sonho em ter um carro grande e hibrido.

38. Amo dirigir e dirijo muito bem obrigada.

39. Meu primeiro carro era um ano mais novo que eu, isso quer dizer que ele era de 1991.

40. Não tenho ciúmes das minhas coisas.

41. Eu não consigo ficar sentada muito tempo sem dobrar as pernas (deve ser por isso que tenho tanta varicose)

42. Admito meu carro estar sujo, mas nunca desorganizado.

43. Morei 6 anos num apartamento no último andar sem elevador. (4º andar, 7 lances de escada).

44. Desde que comecei a destralhar pesquisei sobre o estilo de vida mais simples e minimalista. 

45. Sou viciada em Simpsons Springfield (o antigo Simpsons Tapped out) e estou sempre no último nível já lançado.

46. Só tomo banho pelando (e reclamo se não for quente, quente muito quente) 47. Eu luto jiu jitsu a muitos anos, mas ainda sou faixa azul um grau por conta de todas as interrupções que tive que fazer.

48. Uso óculos desde os 13 anos e até eu me estranho quando não estou de óculos. Não sou tããão cega, mas me acostumei e se fico sem óculos me sinto até enjoada.

49. Sempre crio playlists imaginárias para se minha vida fosse um filme. Escuto e penso "aí essa seria a música na cena em que levanto feliz pela manhã".

50. Gosto mais de números pares do que impares.